O passeio mais tradicional para se fazer em Foz do Iguaçu é reservar um dia para conhecer as Cataratas do Iguaçu que é considerada uma das 7 Maravilhas da Natureza e o terceiro destino de turistas estrangeiros no país.

O Parque nacional do Iguaçu, criado em 1939, abriga o maior remanescente de floresta Atlântica  da região sul do Brasil. O Parque protege uma riquíssima biodiversidade, constituída por espécies representativas da fauna e flora brasileiras, das quais algumas ameaçadas de extinção, como onça-pintada, puma, jacaré-de-papo-amarelo, papagaio-de-peito-roxo, gavião-real, peroba-rosa, ariticum, araucária, além de muitas outras espécies de relevante valor e de interesse cientifico.

Essa expressiva variedade biológica somada à paisagem singular de rara beleza das Cataratas do Iguaçu, fizeram do Parque Nacional do Iguaçu a primeira Unidade de Conservação do Brasil a ser instituída como Sítio do Patrimônio Mundial Natural pela UNESCO, no ano de 1986.

Unido pelo rio Iguaçu ao Parque Nacional Iguazú, na Argentina, o Parque possui mais de 600 mil hectares de áreas protegidas e outros 400 mil em florestas ainda primitivas que brasileiros e argentinos se unem nos esforços de preservação deste tão importante patrimônio mundial.

* Passarela sobre as águas, prepare-se para se molhar muito ao ver de pertinho essa maravilha. *

Dezoito quilômetros antes de juntar-se ao rio Paraná, o Iguaçu vence um desnível do terreno e se precipita em quedas de até 80 metros de altura, alcançando uma largura de 2780 metros. Sua formação geológica data de aproximadamente 150 milhões de anos, porém a formação do acidente geográfico das cataratas se iniciou a aproximadamente 200 mil anos. A largura total das Cataratas no território brasileiro é de aproximadamente 800 m e no lado argentino de 1900 m. A altura das quedas varia de 40 a 80 metros. Dependendo da vazão do rio, o número de saltos varia, atingindo um número superior a 100 nos períodos de média vazão.

A vazão média do rio fica em torno de 1.500 m³ por segundo, variando de 500 m³/s nas ocasiões de seca a 8.500 m³/s nas cheias. O volume maior de água ocorre entre os meses de outubro a março.

Os principais saltos são 19, cinco deles do lado brasileiro (Floriano, Deodoro e Benjamin Constant, Santa Maria e União) e os demais no lado argentino. A disposição dos saltos, com a maior parte deles no lado argentino e voltados para o Brasil, proporciona a melhor vista para quem observa o cenário a partir do Brasil.

Como é o passeio nas Cataratas do Iguaçu

No lado do Brasil, o passeio dura de 2 a 4 horas, começando com o deslocamento de ônibus pela BR-469, do Centro de Visitantes até o início da trilha, durante este trajeto existem paradas para os passeios adicionais. A trilha é realizada a pé, por um trajeto no meio da mata, com espaços abertos para observação das Cataratas do Iguaçu em alguns pontos do percurso. No final da trilha, existe uma passarela de observação que completa o passeio, chegando até o ponto conhecido como “Garganta do Diabo”.

As Cataratas do Iguaçu são visitadas por mais de um milhão de turistas todos os anos. São 275 saltos, por onde escoam em torno de 1.500 metros cúbicos de água por segundo. Independente do clima da época.

* Tabela de preços das Cataratas do Iguaçu. *

Cataratas do Iguaçu: Como chegar

Endereço: Avenida das Cataratas, BR-469, KM18, Foz do Iguaçu/PR

Horário: Aberto diariamente das 9 h às 17 h

Valor: R$ 36,00

Os valores dos ingressos não incluem os passeios adicionais dos Parques, como o Macuco Safari, a Trilha das Bananeiras, a Trilha do Poço Preto e Esportes de Aventura. 

Lembre-se

– O Parque Nacional é um local de preservação ambiental
– Respeite as normas de segurança
– Não toque ou alimente os Quatis, animais típicos das Cataratas do Iguaçu que costumam estar próximo das trilhas
– Use roupas confortáveis e calçado apropriado para a caminhada
– O passeio no lado do Brasil dura de 2 a 4 horas
– Leve o seu documento de identidade com foto
– Em épocas de alta demanda, a experiência do passeio pode ser prejudicada pelo excesso de visitantes nas trilhas (tenha paciência!)

Libriana. Paulista. Amo filmes antigos, músicas, TV, seriados, internet. Apaixonada por cosméticos e viajar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *